café-forte Começar o dia sem tomar uma chávena de café forte é para algumas pessoas algo que é completamente impensável. Indispensável para fazer face às dificuldades do dia-a-dia, a bebida potencia a concentração e permite-lhe uma sensação imediata de frescura. Ainda assim, a verdade é que existem cafés que são mais eficazes do que outros. Leia este artigo e aprenda como fazer o café forte, ideal para todos os dias.

Com o aumento das dificuldades económicas, a maioria das pessoas procura alternativas que lhes permitam manter a mesma qualidade de vida, gastando pouco dinheiro. E todos sabemos que o café das cafetarias é, por norma, mais forte do que aquele que fazemos em casa. Preparar um café forte e intenso não é, no entanto uma tarefa impossível.

Em primeiro lugar, é necessário salientar que existem vários factores que determinam a qualidade do café. Muitas pessoas acham que o café pode ser mantido aberto até que o prazo de validade expire. Pois, estão completamente enganadas. A exposição ao ar faz com que o café comece a perder as suas propriedades e o seu sabor.

Para evitar esta perda de qualidade o melhor será optar por uma máquina de café que funcione com cápsulas. Experimente as Cápsulas Café Creme & Aroma “E” e usufrua de um café intenso, espesso e aveludado. Se preferir pode optar pela variante Creme & Aroma “GE”.

A moagem

Se optar pelo café tradicional em pó, tenha atenção à moagem dos grãos. Se moer o café em casa, tenha o cuidado de garantir que o pó fique fino. A verdade é que a moagem influencia de forma determinante o sabor final da bebida: uma má moagem pode estragar completamente o sabor de um café, independentemente da sua qualidade.

Quantidade de água

Quando usa uma máquina de café expresso, é fácil medir a quantidade de água e de café. Mas, se optar por um método de filtragem manual para fazer o café da manhã  deve ter muita atenção às quantidades. Para fazer um café forte, utilize mais café e menos água do que aquilo que costuma gastar. Não indicamos quantidades uma vez que a receita varia consoante o gosto pessoal: vá ajustando até chegar ao sabor perfeito para si.

Temperatura da água

A temperatura da água é um fator extremamente importante. Para conseguir um café forte a água deve estar a cerca de 95ºC. Salientamos, no entanto, que deverá ter muito cuidado para que o café não queime. Para facilitar a tarefa, utilize um termómetro.

A escolha dos grãos

Tenha atenção na escolha dos grãos. Existem dois tipos de café: arábica e robusta. Escolha os primeiros. A tarefa não deve ser difícil uma vez que a maior parte do café disponível no mercado é arábica. No momento da compra de grãos de café, opte pelos que possuem um tom ais claro. Além de produzirem um café mais suave, estes grãos apresentam normalmente um maior teor de cafeína.